Viajar sozinho e com segurança, é possível?

pessoa no alto de uma montanha
Em Viagem - 06-10-2016

Viajar sozinho é algo indicado para aqueles que buscam uma experiência única de liberdade e de realização. Há poucas experiências que igualem a sensação de liberdade como é quando se viaja sozinho.

 

 

viajar sozinho

 

 

Essa prática pode parecer pouco comum, mas fora do Brasil é muito mais frequente do que se imagina, principalmente na Europa. Lá esse hábito é menos audacioso e mais ordinário, já que existem dezenas de países próximos que podem ser palco dessa experiência. Além disso, há certa facilidade quando se trata de questões alfandegárias.

 

 

A tendência é que cada pessoa que retorna de uma viagem dessas, inspira outras a fazer o mesmo. Principalmente porque a pessoa que deseja mas não tem coragem percebe que viajar sozinho não é algo difícil de fazer.

 

 

O fato é, há muitos medos envolvidos, principalmente aqueles relacionados à segurança pessoal. Outro medo comum é relacionado à própria personalidade da pessoa. Aqueles que são mais tímidos mas querem viajar sozinhos, podem acreditar que a timidez será um empecilho. Mas, por experiência própria, a timidez nesses casos deixa de se tornar um empecilho e passa a se tornar algo que com certeza será mudado com a viagem. Para melhor, é claro.

 

 

Como falamos acima, uma das maiores inseguranças com certeza é o medo de precisar de ajuda e não conseguir solicitar por estar sozinho. Além de outras questões como a criminalidade e situações mais violentas com as mulheres como o estupro.

 

 

o que trazemos no artigo de hoje são soluções de segurança para quem deseja viajar sozinho, além de outras informações úteis de dicas de viagem. Mas primeiramente, a pergunta inicial a se fazer é:

 

 

Porque viajar sozinho?

 

 

Podemos expor dezenas de motivos para te incentivar a viajar sozinho, porém é necessário a mínima vontade e interesse em viver essa experiência para poder te motivar de verdade. Se você tem essa vontade, mesmo que mínima, acompanhe os motivos que listamos abaixo:

 

 

1. Liberdade

 

 

liberdade

 

 

Essa é o argumento número 1 porque é um dos motivos principais quando se deseja viajar sozinho. Liberdade, sentir-se zerado em um lugar desconhecido, sem obrigações de esperar um grupo ou a família para passear e descobrir lugares.

 

 

Ter a liberdade de gerir seu próprio tempo, decidir quais lugares você quer conhecer, poder dizer sim e não para as oportunidades que quiser é algo único. Isso só é possível quando você está sozinho ou quando o grupo inteiro tem os gostos e as vontades idênticas às suas, ou seja… Pode-se dizer que só é possível quando estamos sozinhos.

 

 

Assim, quando você está sozinho pode seguir quase que 100% sua intuição. Se tem um sentimento ruim em relação a algum lugar, basta dizer não. Caso tenha um sentimento ótimo em relação a outro lugar, vá sem medo de ser feliz.

 

 

Porém tenha muita, mas muita atenção! A liberdade tem seu lado bom mas nunca deixe de lado a precaução. Sendo assim, quando estiver com um estranho, sempre evite falar que você está sozinho!

 

 

A liberdade que você tem quando está sozinho é um momento único para conhecer a si mesmo. Usufrua dos momentos de solidão, quebre o tabu de que estar sozinho é triste ou algo negativo. Quem sabe lidar bem com a solidão, sabe lidar bem com seu interior.

 

 

Um dos pontos mais positivos em viajar sozinho é conhecer a si mesmo. Por isso esse é o item número um dessa lista.

 

 

2. Aprender idiomas

 

 

dictionary-1149723_1920

 

 

Esse é um motivo muito positivo quando o assunto é viajar sozinho. Você pode estar questionando agora “mas o idioma eu aprenderia em qualquer viagem, mesmo não estando sozinho”.

 

 

Mas é aí que você se engana. Existem pessoas que fazem viagens longas como intercâmbios, mas acompanhados por amigos ou até um grupo maior de uma empresa de viagem. Acredite, grande parte deles voltam ao Brasil sem dominar o idioma da forma como poderia ser feita se estivessem sozinhos. Isso é uma afirmação.

 

 

Quando você é obrigado a se comunicar em outra língua, a aprendizagem é imensamente maior. Um dos grandes motivos disso é a inibição que vai diminuindo significativamente quando você é obrigado a se comunicar. Quando está acompanhado, o viajante pode se fechar mais e por comodidade passa a falar mais a língua nativa do que o inglês ou a língua da região.

 

 

Estar sozinho é um fator determinante para a evolução do idioma que você vai praticar. Acredite!

 

 

3. Responsabilidade

 

 

responsabilidade

 

 

Mesmo que seja aprendida com um erro, as responsabilidades são verdadeiramente lapidadas quando se está sozinho. Não apenas em viagens mas em outras situações que temos que resolver sozinhos os aprendizados são acumulados para as próximas situações.

 

 

Mesmo que a viagem seja em dupla, existem responsabilidades que podem ficar com uma ou outra pessoa. Mas quando você está sozinho… 100% delas estão com você e só com você.

 

 

O que for aprendido durante a experiência pode e será usado em outras situações da vida. Principalmente se a aprendizagem tiver sido desencadeada por um erro, é aí que é mais difícil esquecer e cometer o erro outra vez. Mas isso não é uma regra.

 

 

4. Sair da zona de conforto

 

 

zona de conforto

 

 

 

Quando você está sozinho você é intimado a sair da zona do conforto. Não há espaço para preguiças e confortos. O primeiro passo para sair da zona de conforto já é a decisão de viajar sozinho.

 

 

Esse não é um passo fácil decidir a viagem desacompanhado, sendo assim tomar essa decisão já em em si sair do conforto. Essa atitude obrigatoriamente será mantida durante a viagem se você seguir até o fim.

 

 

5. Fazer amigos

 

 

fazer amigos

 

 

Quando você está sozinho, fazer amigos é ainda mais fácil. Mesmo que você seja tímido, quando está sozinho, naturalmente você terá que iniciar uma conversa com alguém. Com o tempo esse costume começa a fluir de forma mais natural.

 

 

Quando está acompanhado pode ser mais difícil, até mesmo para alguém se aproximar de você. É claro que isso não é uma regra.

 

 

Sendo assim, aproveite para conhecer pessoas novas. É interessantíssimo fazer amizade com pessoas com nacionalidade diferentes da sua. Isso contribui para sua perceção do mundo, de culturas e costumes. Além disso fazer amizades com pessoas do exterior é uma ótima forma de fazer bons contatos para uma próxima viagem!

 

 

Faça amizades mas com cautela! Não entregue suas informações pessoais logo de cara, isso não é necessário. É possível conhecer alguém e fazer amizade sem falar detalhes da vida pessoal. Mesmo que a pessoa pareça uma santa, quando você está sozinho precaução nunca é demais.

 

 

Por isso que no tópico seguinte nós trazemos a questão da segurança.

 

 

Como viajar sozinho com segurança?

 

 

A segurança é uma medida que tem que ser adotada durante a viagem mas sobretudo antes de iniciar sua aventura. Portanto é imprescindível que você procure um seguro e até mesmo aparelhos de monitoramento pessoal antes de embarcar na viagem.

 

 

Os aparelhos de monitoramento pessoal são elementos decisivos para garantir sua segurança pessoal.

 

 

  • Monitoramento pessoal nas viagens

 

 

Existe um aparelho específico para o campo, que funciona em qualquer lugar mesmo sem cobertura de celular.

 

 

Esse monitoramento é nada mais nada menos do que um aparelho pequeno (mais ou menos do tamanho de um carteira masculina) que possui um sistema de comunicação e de GPS. Esse aparelho é fornecido por uma empresa, que além de disponibilizar o aparelho disponibiliza o serviço de atendimento 24h.

 

spot

Sendo assim, você carrega o aparelho para onde for, quando surgir uma emergência você aciona um botão e o socorro será solicitado pela empresa de monitoramento.

 

 

Como funciona?

O funcionamento e contratação desse serviço são passos básicos e extremamente simples, porém devem ser providenciados antes da viagem. Veja o passo a passo:

 

 

  • Procure uma empresa de monitoramento pessoal

 

 

Uma empresa de monitoramento pessoal tem conhecimentos suficientes para solicitar ajudas emergenciais como a polícia e ambulância. Sendo assim, procure uma empresa que tenha experiência.

 

 

  • Carregue o aparelho com você

 

 

Quando você encontrá-la ela disponibilizará um aparelho que possui um sistema de comunicação, independente da área de cobertura e GPS. Esse aparelho possui botões que quando acionados comunicam com a central de monitoramento. Cada botão significa uma coisa.

 

 

Além de comunicar com a central, você pode solicitar o acesso a sua família. Assim, se você estiver em uma travessia, pode acionar o botão de ”ok” todos os dias para que sua família saiba que você está bem. A família pode ter o acesso a essa localização nos computadores pessoais de suas casas.

 

 

O aparelho funciona por baterias. Por tanto não há necessidade de eletricidade para ele funcionar. Basta que você carregue consigo baterias suficientes para a jornada.

 

 

  • Despreocupe-se

 

 

Com as informações disponibilizadas à central, aparelho em mãos e acesso dos familiares, não há motivos para preocupações.

 

 

  • Cuidado ao pedir informações

 

 

Caso você esteja sozinho e precise de alguma informação, prefira solicitar essa informação em estabelecimentos como bancas, bares, restaurantes. Caso não encontre, procure pedir informações a uma família ou idosos. Selecione as pessoas que você vai comunicar e observe ao seu redor.

 

 

Se você é uma mulher que viaja sozinha a cautela tem que ser muitíssimo maior!

 

 

Se estiver perdida, não esqueça-se de marcar sua localização com a o aparelho de monitoramento pessoal. Dessa forma, mesmo que algo ruim aconteça, as chance de alguém te encontrar são quase 100% com o aparelho em mãos.

 

 

  • Planejamento sempre

 

 

planejamento

 

 

Mesmo que seja bom a espontaneidade em outros momentos da vida, quando está sozinha é preciso ponderar os momentos de espontaneidade. A não ser que você já conheça muito bem o lugar, não decida visitar um local por espontaneidade.

 

 

É importante planejar. Caso você tenha se interessado por um lugar que não estava na sua lista, pesquise sobre ele antes e agende para outro momento.

 

 

Procure seguir seu roteiro e as rotas que são indicadas. Caso surja uma oportunidade no meio do caminho, analise bem e questione se há como recorrer ajuda, se há movimento.

 

 

  • Cuidado com os hábitos

 

 

Isso em outras palavras significa, se você é uma pessoa festeira que gosta de beber muito, evite isso quando estiver sozinha. Se você está sozinha e parcialmente inconsciente o perigo é incalculável!

 

 

Se você deseja ir para a gandaia durante a viagem, vá com alguém do hostel.

 

 

  • Cuidado com os pertences

 

 

Carregue poucas coisas com você, somente o necessário. Principalmente quando o viajante é uma mulher, as pessoas costumam acreditar que são alvos fáceis.

 

 

Essas são atitudes básicas de segurança, que devem puxar outros hábitos de prevenção. Seja homem ou mulher, todas essas atitudes devem ser adotadas se você deseja uma viagem segura.

 

 

O planejamento da viagem deve ser pensado com muito cuidado. Ouça dicas de pessoas que conhecem o local antes de ir. No próximo tópico vamos trazer os destinos mais indicados para quem quer viajar sozinho.

 

 

Lugares para viajar sozinho

 

 

  • Vietnã

 

vietnã

 

 

O Vietnã é um dos países com melhor custo benefício do mundo. Além da paisagem que é fascinante a cultura asiática é de deixar qualquer um de boca aberta. A culinária vietnamita também é algo maravilhoso sobre o país, lá as pessoas adotam uma alimentação mais saudável, a base de comidas frescas e locais.

 

 

  • Bahia

 

 

bahia

 

 

A Bahia é um destino acessível aos brasileiros, principalmente quando se mora no sudeste ou no nordeste. Existem milhares de cidades que são verdadeiros paraísos na Bahia, além de uma população muito amigável. A Bahia é um destino comum para os viajantes sozinhos e reúne um clima favorável para acampar.

 

 

  • Butão

 

butão

 

 

O Butão é famoso pelos seus monastérios, é um lugar recomendado para quem quer encontrar paz de espírito. O botão é um país relativamente recente na atração aos turistas sendo assim o país ainda é muito tradicional e pouco influenciado por outras culturas.

 

 

  • Canadá

 

 

Canadá

 

 

 

O Canadá é um destino ideal para quem busca maior segurança. O país é conhecido pela grande hospitalidade e gentileza dos canadenses. O Canadá possui dimensões continentais, sendo assim o país reúne diferentes paisagens e climas. Caso você queira ir para o norte esteja preparado para temperaturas baixíssimas.

 

 

Gostou da nossa compilação de dicas de viagem? Não deixe de compartilhar nas redes sociais, elas podem ser úteis para seus amigos.

Comentários